Passando o Bastão

Salva-Vidas AmazôniaBlog da Base de CoariLeave a Comment

CURSO DE LIDERANÇA PARA RIBEIRINHOS

Um dos grandes desafios enfrentado por nosso projeto, é a formação de uma liderança nas comunidades pelas quais nossos missionários passam. Cada dupla missionária fica de 6 meses a 1 ano no mesmo local, e a grande preocupação na hora de ir embora, é saber se a igreja local vai conseguir caminhar sozinha.

Durante muitos anos aqui no Brasil, os cargos de liderança da nossa igreja pertenciam a pastores vindos dos Estados Unidos. Somente depois de muitos anos, brasileiros começaram a ocupar cargos de maior responsabilidade dentro da Divisão Sul-Americana. Essa Escola de Líderes Ribeirinhos surgiu com a finalidade de capacitar, treinar e discipular essas pessoas. Com esse curso, estamos dizendo a eles que eles podem fazer o que nossos missionários fazem, e podem fazer ainda mais e melhor. Eles pertencem a essa cultura, nasceram ali, sabem pescar, sabem caçar, sabem plantar, estão acostumados com o clima, com o rio…

Nas foto acima, alunos da Escola de Líderes Ribeirinhos assistem aula do Pastor José Silvestre

Nas foto acima, alunos da Escola de Líderes Ribeirinhos assistem aula do Pastor José Silvestre

O curso será dividido em 6 módulos, que acontecerão a cada 2 meses durante o ano. As aulas são ministradas na comunidade Ariri, no Lago de Coari Grande, a cerca de 3 horas do município de Coari. Cada módulo tem a duração de 1 semana, e o primeiro aconteceu no final de fevereiro. Quem ministrou as aulas foi o Pastor José Silvestre, que pegou um avião em São Paulo, um barco em Manaus e outro barco em Coari. Depois de muitas horas de viagem, chegou à comunidade Ariri, onde ficou por 1 semana dando aulas sobre a história da igreja, ministério jovem, organização da igreja, evangelismo, doutrinas, desbravadores, entre outras.

Esse curso foi uma iniciativa do Projeto Salva-Vidas Amazônia juntamente com a Igreja Adventista do Ariri, distrito Coari I. Agora, o objetivo é implantar o curso também em nossas outras 2 bases, em Barreirinha e no Rio Negro. Orem por esse projeto!

Deixe uma resposta