Sobre a Vida

Fernando BorgesBlog das JaquelinesLeave a Comment

Semanas atrás, tivemos uma tragédia na comunidade onde moro. Vislumbres da maldade dos seres humanos que infelizmente tem crescido a cada dia.
Quando liguei para contar pra minha mãe sobre o corrido, ela me disse que estavam acontecendo atentados na França. Além de tudo isso, me falou várias notícias ruins que me fizeram chorar e orar mais. A união de todas essas coisas me fez chorar, e pensar que realmente o amor de muitos está se esfriando e cada dia mais as pessoas tem sido afligidas pela falta do mesmo. A raiz de todos os males é a nossa mornidão, o nosso relacionamento de fachada com Deus e consequentemente com os outros. Por esse fato, as relações se tornaram frágeis, relacionamentos superficiais e cada vez menos sabemos viver em comunidade.

Há uns dias atrás me deparei com esse texto de Romanos 12:9-21. Será que nossa amor tem sido fingido? Será que a essência do amor tem deixado de habitar em mim?

Esse amor é ação, é um amor que cuida, que auxilia, que ajuda o outro a levantar, que acolhe, aconselha, e mostra a esperança Final, CRISTO. É um amor que aponta para o ser Criador, aquele que o É em essência, DEUS. Só através da permanência desse amor é que o verso 12 faz sentido: “Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração.”

Nossa oração deve ser sim para o conforto dessas pessoas, para o alívio dos corações, para a breve vinda de Cristo, mas a maior de nossas forças deve ser voltada para oração que clama para que o AMOR permaneça e que em humildade de coração seja Ele quem habite e transforme nossa vida. Só assim o EU egoísta morrerá e o amor se fará presente. E onde há amor, há plenitude, alegria, paz, fraternidade….

“O amor seja não fingido. Aborrecei o mal e apegai-vos ao bem. Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros. Não sejais vagarosos no cuidado; sede fervorosos no espírito, servindo ao Senhor; Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração; Compartilhai as necessidades dos santos; praticai a hospitalidade; Abençoai aos que vos perseguem, abençoai, e não amaldiçoeis.
Alegrai-vos com os que se alegram; e chorai com os que choram; Sede unânimes entre vós; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos; A ninguém torneis mal por mal; procurai as coisas honestas, perante todos os homens. Se for possível, quanto estiver em vós, tende paz com todos os homens. Não vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à ira, porque está escrito: Minha é a vingança; eu recompensarei, diz o Senhor. Portanto, se o teu inimigo tiver fome, dá-lhe de comer; se tiver sede, dá-lhe de beber; porque, fazendo isto, amontoarás brasas de fogo sobre a sua cabeça. Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal com o bem.
Romanos 12:9-21

Deixe uma resposta